domingo, 27 de novembro de 2016

GORDINHA ERÓTICA

Tu eras atracção pura para mim ,
Como uma vénus de sangue ardente,
Vestias aquela bata rosa que me punha ao rubro,
O teu cheiro de perfume adocicado e a tua voz quente,
Eram o gatilho para a o meu desejo e a minha perdição,
Ou melhor para o meu membro viril ficar erecto,
"Não fumes olha que ainda perdes a beleza"Dizias tu,
E pensar que naquele armazém de peças de automóveis,
Poderiamos ser tão felizes,ao menos por momentos,
Quantas vezes fantasiei contigo,
Naquela casa de banho com chuveiro,
Onde uma vez por acaso,num duche mais prolongado,
Ia ficando para o dia seguinte,
Não fosse um dos chefes,ainda estar no local,
me deixar sair... 
Ai ! Como te queria encontrar de novo minha gordinha erótica, 

Tirar te essa cara de enfado,
Essa bata rosa que me punha ao rubro,
E devolver te esse teu fogo que ainda me mim arde



SEMEANO OLIVEIRA


Sem comentários:

Enviar um comentário